Museu Campos Gerais deve receber acervo do Foto Tanko

A direção de cultura da Prefeitura Municipal de Santo Antônio da Platina pretende fazer a doação do acervo do tradicional foto Tanko para o Museu Campos Gerais (MCG), da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG). A intenção foi comunicada em reunião preliminar de trabalho com a direção do museu, realizada por vídeo-conferência na tarde desta sexta-feira (24). Também participaram da conversa online a pesquisadora Ruhama Ariellla, responsável pela intermediação, e o fotógrafo e professor de artes Paulo Tanko, filho de José Tanko (1915-1992).

O acervo possui 62 anos de história iconográfica do norte pioneiro do Paraná e atravessa três gerações de fotógrafos da mesma família – José, Paulo e Guilherme. O romeno José Tanko veio ao Brasil ainda jovem e se estabeleceu em Santo Antonio da Platina em 1942, quando criou a popular casa de fotos, que durou até 2004. Nesse período somam-se mais de 190 mil clientes, relata Paulo Tanko, conforme informações dos livros de registro. De acordo com o professor Niltonci Chaves, diretor do MCG, a ideia é dar início aos processos de inventário do acervo e às devidas tramitações legais e técnicas para a cessão do material.